Director Carlos Rosado de Carvalho

China consolida posição de principal parceiro de África em trocas comerciais e projectos

China consolida posição de principal parceiro de África em trocas comerciais e projectos
Foto: ARQUIVO
EXPANSÃO

A influência económica da China no continente africano disparou, nas duas últimas décadas, com o gigante asiático a interpor-se em várias alianças entre países africanos com antigos colonizadores. A China também tem vindo a ganhar terreno e a ameaçar as relações comerciais com outras potências, como os EUA e a Rússia.

Em menos de duas décadas, o saldo de contratos para a construção de obras públicas e infra-estruturas e de prestação de serviços celebrados por empresas e entidades chinesas em África disparou 4.578% para 51,5 mil milhões USD. No ano 2000, esse valor era de 1,1 mil milhões USD, de acordo com cálculos do Expansão sobre dados do Instituto Nacional de Estatística da China.

Este saldo resulta do somatório dos projectos de construção que empresas chinesas têm em África com a mão-de-obra exportada por empresas chinesas.

Apesar de as trocas comerciais terem diminuido em 2016, consequência da descida dos preços das commodities, em 2017 voltaram a ganhar terreno. (...)


(Leia o artigo integral na edição 488 do Expansão, de sexta-feira 31 de Agosto de 2018, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i