Lucros dos cinco maiores bancos mais que duplicaram

Lucros dos cinco maiores bancos mais que duplicaram
Foto: Lídia Onde

BFA, que lidera o ranking com 150 mil milhões Kz, obteve mais lucros que os 15 bancos mais pequenos que apresentaram balancetes no III trimestre. Económico passou de prejuízos a lucros de 79 mil milhões Kz. Aplicações em dívida pública pelos cinco maiores por activos é o dobro do crédito concedido.

Os cinco maiores bancos privados nacionais por activos quase que duplicaram os lucros nos primeiros nove meses de 2018, passando de 166 mil milhões Kz obtidos entre Janeiro e Setembro de 2017, para 379,6 mil milhões Kz, um crescimento de 130%, de acordo com cálculos do Expansão com base nos balancetes do III trimestre de 2018.

O principal destaque vai para o Banco Económico (BE) ao passar de 671 milhões Kz negativos entre Janeiro e Setembro de 2017 para 79,1 mil milhões Kz de lucros nos primeiros nove meses deste ano. Em resposta ao Expansão, o BE justifica o facto com a "melhoria significativa da margem financeira, decomposta por dois efeitos: melhoria dos proveitos de créditos e diminuição dos custos com captações de liquidez".

À semelhança dos outros bancos, beneficiou também da reavaliação dos seus activos e passivos em USD face à desvalorização do kwanza. O ex-BESA tem um activo de 1,3 biliões Kz, sendo que 628 mil milhões são relativos a "outros activos", usualmente referente a dações e imóveis. Quanto ao passivo, cerca de 80% dos 1,2 biliões Kz corresponde a depósitos dos clientes. (...)

(Leia o artigo integral na edição 500 do Expansão, de sexta-feira, dia 23 de Novembro de 2018, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i