Director Carlos Rosado de Carvalho

Angolana "investiga" relação dos contribuintes com a fuga ao fisco

Angolana "investiga" relação dos contribuintes com a fuga ao fisco

O objectivo desta estudante da Universidade Autónoma de Lisboa passa por criar um "documento" que servirá a Angola e Portugal e como base de estudo para avaliar comportamentos e atitudes dos seus contribuintes e servir de ferramenta para gerações vindouras.

Uma estudante angolana licenciada em Portugal no curso de gestão de empresas com especialidade em auditoria, está a preparar uma tese de mestrado para analisar as atitudes e comportamentos dos contribuintes singulares angolanos e portugueses na fuga aos impostos.

Aos 24 anos, a jovem vai apresentar já em Dezembro o resultado do seu projecto final, na Universidade Autónoma de Lisboa.

Este trabalho deixa de fora os comportamentos dos contribuintes colectivos, mas mesmo assim, a estudante olhou para as grandes empresas que estão em Angola, como Sonangol e Chevron, tendo contactado "de forma anónima e confidencial contribuintes singulares" que trabalham nesta empresas.

Segundo Alberta Pinto de Andrade, o objectivo da sua tese passa por analisar as atitudes e os comportamentos dos contribuintes singulares dos dois países, acrescentando que não pretende comparar as políticas fiscais tendo em conta que são distintas. "A evasão fiscal é uma das grandes preocupações dos Estados e a gestão fiscal é uma temática que suscita muitas dubiedades", disse.

A estudante admite que os impostos são vistos pelos contribuintes da maior parte dos países de uma forma negativa, "seja pela taxa que pode ser considerada inapropriada pelos agentes económicos, pela percepção da falta de equidade fiscal, pela complexidade do sistema fiscal, entre outras razões", realçou. (...)

(Leia o artigo integral na edição 501 do Expansão, de sexta-feira, dia 30 de Novembro de 2018, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i