Director João Armando

Chivukuvuku só deixa liderança da CASA-CE com decisão da justiça

Chivukuvuku só deixa liderança da CASA-CE com decisão da justiça
Foto: Quintiliano dos Santos

Metade dos deputados da CASA-CE já anunciou ter rompido com a direcção da coligação, afastando-se da decisão de cinco dos seis partidos que querem empurrar Chivukuvuku da liderança.

O presidente da CASA-CE, Abel Chivukuvuku afirmou que se vai manter na liderança da coligação até decisão em contrário do Tribunal Constitucional, considerando ilegal a decisão de cinco dos seis partidos que compõem a coligação que decidiram pelo seu afastamento.

Em declarações à Emissora Católica de Angola, Abel Chivukuvuku, considera que o processo do seu afastamento não tem "respaldo legal" e só "o Tribunal Constitucional pode confirmar quem é o líder da CASA-CE".

"Organizações sérias e estruturadas fazem processos, e não um anúncio que fulano agora já não é mais presidente", disse.

A decisão da destituição de Chivukuvuku da liderança do segundo maior partido na oposição foi anunciada numa conferência de imprensa, realizada na última terça-feira, durante a qual se fizeram presentes alguns dos vice-presidentes da coligação e os presidentes de cinco dos seis partidos que compõem a CASA-CE, que indicaram como presidente interino André Mendes de Carvalho "Miau", actual líder da bancada parlamentar. (...)

(Leia o artigo integral na edição 513 do Expansão, de sexta-feira, dia 1 de Março de 2019, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i