Prémio Nacional de Cultura para Sarah Maldoror

Prémio Nacional  de Cultura para Sarah Maldoror
Foto: D.R.

A cineasta Sarah Maldoror, a título póstumo e o artista plástico Paulo Kapela são dois dos nomes distinguidos com o Prémio Nacional de Cultura e Artes, que premiou também o Centro de Estudos e Investigação Científica (CEIC) da Universidade Católica de Angola, na categoria de investigação em ciências humanas e sociais.

Os prémios serão entregues esta sexta-feira, 6 de Novembro. A realizadora Sarah Maldoror foi premiada pelo seu trabalho ligado "à causa dos povos negros oprimidos no mundo, à história dos países africanos de expressão portuguesa nas lutas de libertação nacional e à história do cinema nacional" e o CEIC pelo trabalho que realiza "para o País conseguir aumentar a sua capacidade de investigação". Entre os galardoados estão também Rosa Roque, criadora do grupo musical "As Gingas", o escritor Maiomona e o grupo tradicional Kalofulofo Wino wa Matemba, que venceu pela sua contribuição para a divulgação da dança e música da região cultural Leste de Angola. Matan"yadi Noberto, também a título póstumo, foi escolhido pelo seu papel na criação da Escola Nacional de Teatro, que ajudou a desenvolver o ensino artístico profissional no País.

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i