Director Carlos Rosado de Carvalho

Reservas Internacionais crescem 579 milhões USD em Fevereiro

Reservas Internacionais crescem 579 milhões USD em Fevereiro

Em Fevereiro último, as RIL estavam avaliadas em 20,8 mil milhões USD, contra os 20,3 mil milhões USD de Janeiro, representando um aumento de 3%

As Reservas Internacionais Líquidas (RIL) nacionais cresceram 579 milhões USD em Fevereiro face a Janeiro, representando um aumento de 3%, de acordo com os dados preliminares da Estatística Monetária e Financeira do Banco Nacional de Angola (BNA) a que o Expansão teve acesso.

Em Fevereiro deste ano, as RIL estavam avaliadas em 20,8 mil milhões USD, contra os 20,3 mil milhões USD de Janeiro. Este aumento surgiu numa fase em que o banco central também tem vindo a aumentar o acesso às divisas aos bancos comerciais, que estão sem acesso a dó- lares devido à suspensão das ligações com correspondentes bancários internacionais.

Até final de 2015, por exemplo, as RIL nacionais ascendiam a 24,2 mil milhões USD, quando em Dezembro de 2016 estavam avaliadas em 21,3 mil milhões USD, traduzindo um recuo de 12%. Um retrocesso que alguns analistas do sector associam ao facto de Angola, desde final de 2014, estar a viver uma profunda crise financeira, económica e cambial, devido à quebra para metade nas receitas com a exportação de petróleo.

Situação que forçou, em Fevereiro último, o Presidente da República, José Eduardo dos Santos, a anunciar uma revisão da legislação cambial e do sistema bancário nacional, para regular o movimento de moeda externa.

"Depois de alguma reflexão, concluímos que precisamos de executar um programa integrado para orientar todas as instituições que intervêm no processo das exportações. Assim, precisamos de adequar a legislação cambial, adequar o sistema bancário, pois não há legislação suficiente sobre a movimentação de dinheiro em moeda externa, por parte das empresas e dos particulares em geral", reconheceu o PR.

As reservas actuais garantem o equivalente a cerca de oito meses de importações de alimentos, bens e equipamentos, tendo em conta as necessidades actuais, numa fase de forte contenção na disponibilização de divisas aos bancos.

As reservas contabilizadas pelo BNA são constituídas com base em disponibilidades e aplicações sobre não residentes, bem como obrigações de curto prazo.

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i