Director Carlos Rosado de Carvalho

Rede de segurança marítima de Angola ao Senegal reforçada

Rede de segurança marítima de Angola ao Senegal reforçada

As operações da Rede Inter-regional do Golfo da Guiné, que envolvem 19 países e um orçamento de 10,3 milhões de USD para os próximos quatro anos, pretendem combater a actividade criminosa, como a "pirataria", que ameaça o principal centro de tráfego e plataforma do crescimento económico da região.

Angola é um dos 19 países africanos envolvidos no programa de combate à criminalidade marítima da Rede Inter-regional do Golfo da Guiné (GOGIN), que arrancou oficialmente há uma semana, com um orçamento de 10,3 milhões USD para os próximos quatro anos.
O projecto, que será implementado pela agência de cooperação técnica internacional francesa, a Expertise France, com financiamento da União Europeia e do Governo da Dinamarca, abrange uma área de 5.000 milhas náuticas de costa com boas condições para a navegação, mas que tem sido sujeita, nos últimos anos, ao aumento de actividades criminosas.

(Leia o artigo na integra na edição 426 do Expansão, de sexta-feira 19 de Junho de 2017, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i