Director Carlos Rosado de Carvalho

Quase 50% dos bancos atropelam aviso do BNA

Quase 50% dos bancos atropelam aviso do BNA

Treze dos 27 bancos comerciais que operam no sistema financeiro nacional violam as regras do Banco Nacional de Angola (BNA) que determinam que as instituições financeiras devem apresentar os balancetes trimestrais até 45 dias após o fim do trimestre.

Perto de metade dos bancos comerciais a funcionar em Angola (um público e doze privados) está à margem do regulamento do Banco Nacional de Angola (BNA) que determina que as instituições financeiras devem publicar o balancete trimestralmente, "até 45 dias após o término do trimestre".
O BNA estabelece que as instituições financeiras bancárias devem elaborar e publicar balancetes trimestrais com informações financeiras padronizadas com esclarecimento da situação patrimonial e dos resultados das instituições, com base nas melhores práticas e padrões internacionais.
O Expansão constatou que a lista de incumpridores do prazo exigido pelo BNA é dominada pelos bancos que possuem maior volume de activos no sistema financeiro nacional, com destaque para o Banco de Poupança e Crédito (BPC), o que apresentou mais activos em 2016, e que está em falta na publicação dos balancetes dos dois trimestres. Já o Banco de Fomento Angola (BFA), terceiro maior em activos, está à margem do regulamento porque não apresentou o balancete do segundo trimestre.

(Leia o artigo na integra na edição 435 do Expansão, de sexta-feira 18 de Agosto de 2017, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i