Director Carlos Rosado de Carvalho

Nova Comissão de Avaliação do Sector Petrolífero analisa queixas dos operadores

Nova Comissão de Avaliação do Sector Petrolífero analisa queixas dos operadores

A comissão surge na sequência do encontro que decorreu no Palácio Presidencial com os operadores do sector, na qual apresentaram as suas preocupações ao Presidente da República, João Lourenço.

O Presidente da República, João Lourenço, criou uma comissão para analisar as queixas das petrolíferas depois de um encontro na Cidade Alta na qual manifestaram as suas preocupações sobre o sector, como a elevada carga fiscal aplicada em Angola e a diminuição de concessões, apurou o Expansão junto de fontes das operadoras.
No final do encontro, que decorreu na sexta-feira passada, João Lourenço orientou a criação da Comissão de Avaliação do Sector Petrolífero que será liderada pelo Ministro dos Petróleos, Diamantino Pedro Azevedo. Esta reunião surgiu numa altura em que as relações entre a Sonangol, concessionária, e os operadores (petrolíferas estrangeiras) já tiveram melhores dias.
As principais queixas apresentadas pelas operadoras prendem-se com os elevados custos de produção no País, muitas vezes devido ao "excesso de burocracia" e à "elevada carga fiscal", e sobretudo com a falta de concessão de novos projectos para a exploração, provocadas pelo desinvestimento da Sonangol no sector.

(Leia o artigo na integra na edição 443 o Expansão, de sexta-feira 13 de Outubro de 2017, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i