Director Carlos Rosado de Carvalho

Fundo Monetário Internacional chega no início de Novembro

Fundo Monetário Internacional chega no início de Novembro
Foto: César Magalhães

Uma equipa técnica do Fundo chefiada pelo brasileiro Ricardo Velloso vem a Luanda para preparar as consultas no âmbito do artigo IV que arrancam em Janeiro. A visita ganhou importância depois do ministro das Finanças ter aberto a porta a um novo programa de assistência financeira da instituição sedeada em Washington.

Uma equipa técnica do Fundo Monetário Internacional (FMI) chefiada pelo economista Ricardo Velloso chega a Angola na primeira semana de Novembro para preparar a visita, em Janeiro, da missão que vai manter consultas com as autoridades angolanas, nos termos do Artigo IV dos estatutos do FMI, apurou o Expansão.
A equipa técnica do FMI regressa a Angola para actualizar os dados macroeconómicos do país, bem como perceber a orientação das políticas do novo Executivo. O relatório sobre o artigo IV com a avaliação do FMI sobre a economia angolana deverá estar concluído em Abril de 2018.
Esta semana, o ministro das Finanças, Archer Mangueira, anunciou que Angola está a "dialogar com o FMI no sentido de avaliarmos a possibilidade de uma assistência técnica", adiantando, no entanto, que "se será com ou sem financiamento é um tema que ainda não foi tratado". As declarações foram feitas à Rádio Nacional de Angola à margem da participação nas reuniões anuais do FMI e do Banco Mundial, que decorreu em Washington.

(Leia o artigo na integra na edição 444 o Expansão, de sexta-feira 20 de Outubro de 2017, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i