Director Carlos Rosado de Carvalho

Preços 'disparam' nos colégios privados com aumentos até 200%

Preços 'disparam' nos colégios privados com aumentos até 200%

Os preços nos colégios privados dispararam este ano, apesar de o Ministério da Educação emitir um despacho a proibir aumentos na propina no ano lectivo 2018. O Colégio de São Francisco, em Talatona, é o que pratica os preços mais elevados. O Colégio Angolano de Talatona tem a maior subida.

Os colégios privados agravaram os preços das propinas, de matrículas e de outros emolumentos para este ano lectivo, depois de um despacho do Ministério da Educação proibir aumentos no presente ano lectivo.
Segundo apurou o Expansão, com base na tabela de preços de algumas instituições de ensino privado, o Colégio de São Francisco de Assis, localizado no município de Talatona, que antes cobrava 625 mil kz pela matrícula de novos alunos, passou a cobrar 950 mil kz. Já o valor da propina trimestral, que era de 795 mil kz, está agora em 950 mil kz. Quanto ao almoço, sofreu uma redução, passando de 205 mil kz para 149 mil kz. Quem traz o almoço de casa, paga 47.000 kz, só para utilizar o refeitório.
Já no colégio Angolano de Talatona, a matrícula para novos alunos, que inclui o seguro escolar e o cartão de acesso, passou de 100 mil kz para 270 mil kz. A propina, custava 130 mil kz e aumentou para 402.500 kz, tendo sofrido um acréscimo de 209%, o maior de todos. Pela alimentação, que é obrigatória, antes tinha um custo de 52.710 kz e passou para 128.810 kz.
Situado na sede do 1º de Maio, o Colégio Elizângela Filomena manteve o preço das matrículas, que são 45 mil para renovação e 80 mil para a matrícula de novos alunos, enquanto o preço da propina aumentou de 44 mil para 48 mil kz. Valores que aumentam se a ele for somado o preço dos transportes, que varia entre os 15 mil a 23 mil kz.

(Leia o artigo na integra na edição 457 do Expansão, de sexta-feira 26 de Janeiro de 2018, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i