Director Carlos Rosado de Carvalho

BNA anuncia arranque de processo de regularização de atrasados ao exterior mas não revela valores

BNA anuncia arranque de processo de regularização de atrasados ao exterior mas não revela valores
Foto: César Magalhães

Banco central adverte agentes económicos que as disponibilidades cambiais continuam limitadas e recomenda que não sejam assumidas novas responsabilidades cambiais sem consultas prévias.

O Banco Nacional de Angola (BNA) anunciou ter iniciado este mês um plano para regularizar até Junho as transferências em atraso para pagamento de bens e serviços a fornecedores fora do País, licenciadas antes de 2018.
Em comunicado, o banco central admite que a disponibilidade limitada de recursos em moeda estrangeira nos últimos anos resultou na acumulação de operações de importação de mercadorias e serviços a aguardar cobertura cambial e pagamento aos fornecedores estrangeiros.
"Com o objectivo de regularizar esta situação e com base em informação recebida dos bancos comerciais, o BNA procedeu à análise dos atrasados com data de licenciamento anterior a 2018 e estabeleceu um cronograma para a sua regularização, que será operacionalizado através de vendas directas de moeda estrangeira nos meses de Maio e Junho do ano em curso" assinala a nota.
No documento, porém, não está patente os valores monetário que o banco central vai ceder aos bancos comerciais para os agentes económicos regularizarem até Junho as transferências em atraso. O Expansão questionado o BNA mas até ao fecho de edição não obteve resposta.

(Leia o artigo na integra na edição 474 do Expansão, de sexta-feira 25 de Maio de 2018, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i