Director Carlos Rosado de Carvalho

Pessimismo dos empresários diminui pelo quinto trimestre consecutivo

Pessimismo dos empresários diminui pelo  quinto trimestre consecutivo
Foto: César Magalhães

As perspectivas dos empresários sobre a economia no curto prazo melhoraram ligeiramente, tendo recuperado um ponto, embora permaneçam em terreno negativo. Construção permanece o sector mais pessimista.

O pessimismo dos empresários e gestores diminuiu ligeiramente no I trimestre de 2018 e apesar de se manter em terrenos negativos está a recuperar há cinco trimestres consecutivos, indicam os dados do inquérito de conjuntura económica do Instituto Nacional de Estatísticas (INE), relativo aos meses de Janeiro a Março deste ano.
O Indicador de Clima Económico (ICE) recuperou assim um ponto face aos -15 do IV trimestre de 2017. As estatísticas indicam o ligeiro aumento da confiança dos empresários e gestores na percepção, a curto prazo, da marcha da economia em 2018, à excepção de quatro sectores, de um total de sete inquiridos.
Os gestores e empresários da construção continuam a ser os mais pessimistas. Depois de ter fechado o ano nos -45 pontos, o indicador de confiança voltou a cair um ponto para os -46 pontos entre Janeiro e Março do ano em curso. Mesmo assim, 28 pontos acima dos mínimos históricos de -74 registados no I trimestre de 2016.
O relatório, publicado nesta quinta-feira, indica que o sector da comunicação, apesar de ter caído um ponto, saindo dos 27 positivos do IV trimestre de 2017 para os 26 no periodo em análise, continua a ser o mais optimista.
O pessimismo dos empresários da indústria transformadora voltou a aumentar, tendo saído dos -8 pontos, no último trimestre do ano passado, para os -17 pontos.

(Leia o artigo na integra na edição 475 do Expansão, de sexta-feira 01 de Junho de 2018, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i