Director Carlos Rosado de Carvalho

Congresso da produção nacional junta 600 empresas na capital do País

Congresso da produção nacional junta 600 empresas na capital do País
Foto: César Magalhães

Evento organizado pela Confederação Empresarial de Angola vai juntar, entre 28 e 29 de Junho, homens de negócio para discutir a problemática dos apoios financeiros do Estado à actividade empresarial.

A Confederação Empresarial de Angola (CEA) vai realizar, nos dias 28 e 29 de Junho, o primeiro congresso de produção nacional e prevê juntar mais de 600 empresas. Em cima da mesa ai estar a discussão sobre a política fiscal e o investimento estrangeiro no País.
De acordo com o presidente da CEA, Francisco Viana, que falava esta semana em conferência de impressa para apresentar o evento, a abertura que se vive no mercado, a situação financeira das empresas e a retracção do investimento estrangeiro obrigam a uma "reflexão conjunta" e à promoção do diálogo constante com as autoridades públicas.
Treze temas estarão na mesa das discussões nos dois dias do evento, com destaque para os temas relacionados com os instrumentos financeiros de apoio à produção nacional, política fiscal e dívida pública. O agronegócio ou como melhorar o ambiente de negócios são alguns dos temas que vão preencher a agenda dos homens de negócio que defendem maior aproximação do Estado às iniciativas empresariais.
O empresário referiu que o congresso deverá ser entendido como uma plataforma que vai permitir "aproximar o Governo e os empresários" para um objectivo comum: a estabilidade macroeconómica.

(Leia o artigo na integra na edição 476 do Expansão, de sexta-feira 08 de Junho de 2018, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i