Director Carlos Rosado de Carvalho

Receita fiscal dos diamantes aumentou 13% para 23 milhões USD

Receita fiscal dos diamantes aumentou 13% para 23 milhões USD
Foto: César Magalhães

As receitas arrecadadas resultam da produção de 2,3 milhões e quilates, dos quais 93,0% provêem da actividade industrial e os restantes 7% da exploração artesanal.

O Estado arrecadou, no ll trimestre deste ano, 23 milhões USD em receitas fiscais, um aumento de 13% comparativamente a igual período de 2017, em que os valores se cifraram nos 20,3 milhões USD, revelam dados do relatório da Sociedade de Comercialização de Diamantes de Angola (SODIAM), apresentados esta semana.
O relatório indica que a SODIAM obteve, durante o período em análise, uma receita bruta de 316,52 milhões USD, com a venda de 2,3 milhões de quilates de diamantes, produzidos no País no segundo trimestre de 2018.
O administrador da SODIAM, Fernando Amaral, revelou que o montante contabilizado no segundo trimestre, que representa um aumento de 23,3% relativamente aos 256,59 milhões USD registados no primeiro trimestre, deriva, em 93,0%, da actividade industrial, com 295,39 milhões USD, sendo os restantes 7,0%, ou 21,48 milhões USD, resultantes da actividade artesanal.

(Leia o artigo na integra na edição 484 do Expansão, de sexta-feira 03 de Agosto de 2018, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i