Director Carlos Rosado de Carvalho

Barril de petróleo perto dos 90 USD

Barril de petróleo perto dos 90 USD

Apesar de Rússia e Arábia Saudita terem subido a produção, o crude continua a valorizar e esta semana bateu os 86 USD pela primeira vez desde 2014.

O preço do barril superou os 86 USD pela primeira vez desde 2014. Apesar de os aumentos nos preços do crude beneficiarem os produtores petrolíferos, um preço do barril demasiado alto, juntamente com apreciações no dólar, poderá ter efeitos adversos nos níveis da procura da matéria-prima. Este factor levou a Rússia a elevar a sua produção para 11,36 milhões de barris por dia (Mbpd) em Setembro, o maior valor dos últimos 30 anos.

O presidente russo referiu, esta semana, que o seu país estaria confortável com um preço que se situasse entre os 65 USD e os 75 USD, e salientou que a Rússia tem capacidade para aumentar a produção entre 200 a 300 mil bpd. Também o ministro da Energia da Arábia Saudita declarou que o reino deverá atingir os 10,7 Mbpd em Outubro, ficando perto do recorde atingido em 2016 (10,72 Mbpd). (...)


*Banco Angolano de Investimentos

(Leia o artigo integral na edição 493 do Expansão, de sexta-feira, dia 5 de Outubro de 2018, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i