Director Carlos Rosado de Carvalho

Acordos de 50 mil milhões USD apesar de boicote a fórum saudita

Acordos de 50 mil milhões USD apesar de boicote a fórum saudita
Foto: D.R.

A estratégia da Arábia Saudita para promover o reino como lucrativo destino de negócios enfrenta o boicote de empresas e líderes políticos, que exigem explicações sobre o assassinato do jornalista opositor ao regime. Apesar de várias desistências, acordos de 50 mil milhões USD foram assinados no 1.º dia do "Davos do deserto".

Apesar do boicote de políticos, empresas e organizações internacionais ao principal fórum económico da Arábia Saudita, conhecido como "Davos do Deserto", o segundo maior produtor mundial de petróleo conseguiu assinar acordos no valor de 50 mil milhões USD, no primeiro dia do encontro, que ficou ensombrado pela morte do jornalista Jamal Khashoggi, no consulado saudita em Istambul, Turquia, no início de Outubro.

O fórum inaugural do ano passado, como recorda a agência AFP, levou ao Ritz de Riade estrelas do mundo empresarial. Mas este ano, o assassinato de Khashoggi, uma das vozes mais críticas da monarquia saudita, levou a sucessivos cancelamentos, sobretudo depois de a Arábia Saudita reconhecer que o jornalista, que desde 2017 residia nos EUA, tinha morrido no seu consulado em Istambul.

A directora-geral do FMI, Christine Lagarde, o presidente do Banco Mundial, Jim Yong Kim, o secretário de Estado do Tesouro norte-americano, Steven Mnunchin cancelaram a sua presença no evento. Igual decisão tomaram os ministros da Economia de França e da Holanda e o ministro do Comércio Internacional britânico, estados com acordos de defesa com o reino, assim como duas dúzias de palestrantes de topo.

Órgãos de informação, como a Bloomberg, a CNN e o Financial Times, e multinacionais como Siemens e a Ford também decidiram manter-se à distância. Outras empresas optaram por enviar direcções intermédias, como o HSBC e o Credit Suisse, para não perderem negócios do fundo soberano do reino, de 250 mil milhões USD. (...)


(Leia o artigo integral na edição 496 do Expansão, de sexta-feira, dia 26 de Outubro de 2018, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i