Director Carlos Rosado de Carvalho

BNA manda fechar Banco Postal e Banco Mais

BNA manda fechar Banco Postal e Banco Mais

O Banco Nacional de Angola (BNA) anunciou esta sexta-feira o encerramento compulsivo de dois bancos comerciais privados, por insuficiência de capital social, tendo revogado as licenças bancárias e requerido a declaração de falência para ambos.

Em causa, segundo um comunicado do BNA, estão o Banco Mais e o Banco Postal, com o banco central a garantir que "tomou medidas" para que "o Procurador- Geral da República requeresse a declaração de falência das referidas instituições, junto do Juiz da Comarca Provincial de Luanda".

"A entidade liquidatária dará indicações sobre o tratamento a dar aos depósitos de clientes, bem como de quaisquer outras obrigações ou direitos das referidas instituições, incluindo a regularização da situação laboral dos seus colaboradores", lê-se no comunicado do BNA.

O banco central acrescenta que, em reunião do Conselho de Administração, realizada na quarta-feira, "deliberou a revogação das licenças das referidas instituições financeiras bancárias, as quais cessam, a partir desta data, as respectivas actividades".

O banco central recorda que o "prazo de adequação ao novo capital social e fundos próprios regulamentares para o funcionamento das instituições financeiras bancárias" terminou a 31 de Dezembro de 2018, conforme definido em Fevereiro. Na altura, o BNA instituiu em 7.500 milhões Kz - o triplo face à legislação anterior - o valor mínimo de capital social e fundos próprios regulamentares para as instituições financeiras que operam no País, o que não terá sido garantido por estes dois bancos.

"Os órgãos de administração e demais colaboradores devem, assim, manter-se à disposição da entidade liquidatária, garantindo-se o encerramento ordeiro da actividade das referidas sociedades financeiras", refere ainda o BNA.

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i