Inacom anuncia esta sexta-feira a quarta operadora

Inacom anuncia esta sexta-feira a quarta operadora

O Instituto Angolano das Comunicações (Inacom) anuncia esta sexta-feira, 12, em Luanda, o vencedor do concurso público internacional para a atribuição do novo Título Global Unificado (TGU), que se tornará o quarto operador de telecomunicações em Angola.

O concurso foi lançado a 27 de Novembro de 2017 e a ele concorreram 19 empresas angolanas e nove estrangeiras, sendo ratificado a 23 de Fevereiro de 2018 pelo Presidente João Lourenço.

Angola conta com três operadoras, com a Unitel a liderar o mercado, com cerca de 80%, à frente da Movicel, com uma quota de quase 20% e a Angola Telecom, com uma posição residual.

A 29 de Março, a Movicel assinou uma parceria com o "gigante" britânico Vodafone, em que o director regional para África da operadora, Vic Pavel, garantiu que a empresa não tenciona comprar acções de qualquer operadora angolana, nem mesmo para a quarta licença. O acordo, como esclareceu, destina-se a "apoiar a Movicel na caminhada da transformação, para se tornar o segundo maior operador .

A 23 de Novembro, uma investigação do Expansão dava conta que a escolha para a atribuição de um título global unificado para 4.ª operadora de telecomunicações iria recair numa empresa angolana constituída em Janeiro de 2018 e com capital social de 200 mil Kz - a Telstar -Telecomunicações, Lda -, depois da maior empresa africana de telecomunicações, a MTN, ter desistido do concurso público internacional, alegando que o processo estava "viciado". (...)

*com Lusa


(Leia o artigo integral na edição 519 do Expansão, de quarta-feira, dia 12 de Abril de 2019, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Notícia relacionada:
Empresa angolana de 200 mil Kz é candidata única à 4.ª operadora

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i