Director João Armando

Consultora e Standard apontam à quarta recessão em 4 anos

Consultora e Standard apontam à quarta recessão em 4 anos
Foto: DR

Petroleiros que estão previstos sair dos portos do País em Junho sugerem que os produtores esperam que a produção caia para 1,2 milhões de barris/dia.

A consultora Capital Economics e o Banco Standard apontam a nova recessão da economia nacional, contrariando as estimativas do Governo e do Fundo Monetário Internacional, o que a verificar- se será a quarta recessão económica em quatro anos.

Numa análise enviada aos seus clientes, os analistas da Capital Economics antecipam uma queda de 1% do PIB, motivada pela descida da produção de petróleo: "Os últimos desenvolvimentos sustentam a nossa opinião, contrária ao consenso, segundo a qual a economia de Angola vai outra vez contrair-se este ano".

"Os baixos números de petroleiros que estão previstos sair dos portos angolanos no próximo mês sugerem que os próprios produtores esperam que a produção caia novamente em Junho, para cerca de 1,2 milhões de barris diários", refere o com o título "Angola: Outro Ano de Recessão".

Se a produção estabilizar nos 1,2 milhões de barris por dia, que é o valor implícito nos dados dos carregamentos, "então o sector pode cortar 7 ou 8 pontos percentuais ao PIB de Angola", refere. (...)


(Leia o artigo integral na edição 526 do Expansão, de quarta-feira, dia 31 de Maio de 2019, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i