Privatizações: 195 empresas saem da esfera do Estado

Privatizações: 195 empresas saem da esfera do Estado
Foto: César Magalhães

O programa de privatizações de empresas públicas e participadas do Estado prevê a alienação do capital de 195 empresas cuja privatização será concluída em bolsa ou venda por concurso público. A ENSA Seguros será a primeira empresa a avançar para a bolsa de valores, tal como o Expansão avançou no início de Julho.

O Programa de Privatizações para o Período de 2019-2022, denominado PROPRIV, foi publicado a 5 de Agosto em Diário da República através do decreto presidencial n.º 250/19, e calendariza a alienação daquelas que são as empresas públicas, bem como outras empresas de direito angolano em que o Estado detém directamente ou indirectamente uma participação no capital social, quer seja maioritária ou minoritária.

Entre as "jóias da coroa" a vender a privados, encontram-se empresas participadas a 100% pelo Estado como a Sonangol EP, a Endiama, a ENSA Seguros, a Taag, o Banco Comércio e Indústria (BCI), a MSTelcom, a Angola Telecom, a Bodiva, a TCUL e o Hotel de Convenções de Talatona. (...)


(Leia o artigo integral na edição 536 do Expansão, de sexta-feira, dia 9 de Agosto de 2019, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i