Mercado automóvel em Angola estabiliza depois de quatro anos consecutivos em queda

Mercado automóvel em Angola estabiliza depois de quatro anos consecutivos em queda

As concessionárias estão mais optimistas com as vendas registadas nos primeiros seis meses deste ano. O acesso às divisas, que está a permitir o pagamento aos fornecedores, está a animar o negócio automóvel. Os operadores acreditam que 2019 poderá ser o ano da estabilização depois do longo período de recessão.

A concretizarem-se as projecções de vendas da Associação dos Concessionários de Equipamentos de Transporte Rodoviário e Outros (ACETRO), para 2019, quebra-se um ciclo de quatro anos de recessão no mercado automóvel, provocado sobretudo pela falta de divisas para honrar compromissos com os fornecedores.

A venda de veículos novos registou um recuo de 26,8%, em 2018, face ao ano anterior, período em que foram vendidas 4.298 viaturas de diversas categorias, indicam os dados da ACETRO que projecta para este ano um ligeiro aumento de 4,2%.

De acordo com os dados da desta associação, que conta com 24 empresas, em 2018, foram vendidas 3.146 unidades, prevendo-se que até final de 2019 sejam comercializados 3.278 veículos, ou seja, mais 132 carros do que no ano passado.

Jaime Freitas, da Cosal, acredita que os indicadores do primeiro semestre são positivos e sublinha que a disponibilidade de divisas, por parte da banca, está a contribuir para o aumento das vendas sobretudo no segmento de ligeiros comerciais.

O empresário confirma, assim, as previsões dos representantes de diversas marcas de veículos, que apontam uma ligeira estabilidade do mercado, atendendo ao histórico de vendas dos últimos quatro.

Jaime Freitas lembra ainda que a corrida à compra de carros novos é indício de que as empresas e entidades singulares temem o aumento dos preços, com a entrada em vigor do Imposto de Valor Acrescentado (IVA).

Em 2014, a comercialização de viaturas atingiu máximos históricos com um registo de 44 .536 unidades vendidas em todo o País.

Comparando com 2014, considerado pela ACETRO como o melhor ano da história de vendas de veículos novos em Angola nos últimos 4 anos, o mercado vai registar uma queda de 93%. (...)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i