Eni lança programa de estágio remunerado para licenciados

Eni lança programa de estágio remunerado para licenciados
Foto: César Magalhães

O programa de estágio remunerado para licenciados tem a duração de nove meses. O estágio será nas áreas de Operações, Sistemas de Gestão de Segurança e Exploração e incluirá visitas às instalações onshore e offshore. Os interessados têm até dia 6 de Março para o envio das candidaturas.

A multinacional petrolífera Eni lançou dois programas de estágios remunerados para 15 licenciados com ou sem experiência profissional para as áreas de Operações, Sistemas de Gestão de Segurança (SMS) e Exploração, durante nove meses.

A empresa disponibilizou 10 vagas para área de Operações e SMS e cinco vagas para área de Exploração. Os interessados de ambos estágios devem ter a nacionalidade angolana, ter o inglês do nível B1 ou superior, curriculum vitae, a cópia do certificado de graduação, ser recém-formados sem experiência profissional ou com uma experiência de dois anos no máximo.

Até dia 6 de Março os candidatos ao estágio de exploração devem submeter a candidatura para o correio electrónicoestagio.exploração@ eni.com, enquanto os candidatos ao estágio de operações devem recorrer ao endereço estagio.operacoes.hse@eni.com.

O estágio abrange as áreas de Engenharia Mecânica, Civil, Electrónica, Engenharia de Petróleo, Física, Química, Matemática, Engenharia Naval, Telecomunicações, Ciências e Tecnologias para meio Ambiente e Território, Manutenção e Confiabilidade, Logística, Geologia, Geofísica ou área de formação equivalente.

O programa multidisciplinar intensivo, baseado em sala de aula, vai ser ministrado em Inglês, Português e abrange uma variedade de tópicos, como a introdução à indústria de petróleo e gás. Os estagiários vão beneficiar de treinamento no local de trabalho, visita nos departamentos de operações HSE, SMS e Exploração, incluindo visitas às instalações onshore e offshore.

Para os estágios de Operações e SMS os candidatos apurados vão beneficiar de tópicos de reservatório e produção. Com este programa, a empresa pretende oferecer oportunidade para que cada um dos candidatos apurados ganhe experiência na indústria de petróleo e gás para futura integração no mercado de trabalho. (...)

(Leia o artigo integral na edição 563 do Expansão, de sexta-feira, dia 28 de Fevereiro de 2020, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i