PR autoriza garantia soberana de 118 milhões USD para compra de seis novos aviões da TAAG

PR autoriza garantia soberana de 118 milhões USD para compra de seis novos aviões da TAAG
Foto: D.R.

Foi também publicada em Diário da República a autorização para a adjudicação das obras para conclusão da ponte cais do porto do Namibe e uma verba suplementar para o combate à Covid-19.

Uma garantia soberana no valor de 118 milhões USD para o financiamento do contrato celebrado entre a TAAG e um sindicato bancário, representado pela ABSA Bank Limited, destinada à compra de seis aeronaves para a transportadora aérea nacional, foi autorizada pelo Presidente da República .

O financiamento servirá para pagar seis aviões de marca Havilland-Dash, no âmbito da reestruturação e diversificação da frota da companhia que pretende utilizar estas aeronaves nos voos nacionais devido à sua menor capacidade.

No ano passado, o presidente executivo da TAAG, Rui Carreira, considerou estes aparelhos como "uma clara mais-valia no esforço de redução de custos operacionais, porque se trata de um investimento que pode estar pago em 4 a 5 anos, desde logo porque tem um consumo de combustível que é 1/3 do consumo do Boeing 737 a operar nestas rotas".

O documento, publicado no Diário da República de 1 de Abril, autoriza a ministra das Finanças, Vera Daves, a negociar os termos do acordo de garantia com o sindicato bancário, assim como a praticar os actos legais para a sua emissão e validade.

O Decreto Presidencial n.º 49/20 avança que pela emissão da garantia soberana a TAAG deve pagar uma taxa no montante correspondente a 1% do valor de financiamento. Ou seja, 180 mil USD. (...)

(Leia o artigo integral na edição 568 do Expansão, de sexta-feira, dia 3 de Abril de 2020, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i