União Europeia anuncia 3,3 mil milhões de euros para África combater Covid-19

União Europeia anuncia 3,3 mil milhões de euros para África combater Covid-19

Parte deste montante destina-se a "promover formas de redução da dívida consideradas pelo Fundo Monetário Internacional nos países afectados pela recessão devido ao coronavírus", refere Bruxelas.

A Comissão Europeia vai disponibilizar 3,3 mil milhões de euros a África, para apoiar o continente a combater a pandemia da Covid-19, num total de 15,6 mil milhões de euros anunciados pela presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, para ajuda aos países em desenvolvimento.

Dos 3,3 mil milhões de euros destinados a África, perto de um terço, ou seja 1,2 mil milhões de euros, segundo um comunicado do executivo comunitário, destinam- se aos países do norte do continente, os mais atingidos pela pandemia .

De acordo com Bruxelas este apoio financeiro será feito "a partir dos recursos para a acção externa existentes", através de uma reorientação das ajudas já disponibilizadas aos países em desenvolvimento.

Do pacote global, fazem ainda parte 1,42 mil milhões de euros em garantias para África e para o conjunto dos países vizinhos provenientes do Fundo Europeu para o Desenvolvimento Sustentável (FEDS).

Segundo a instituição, este apoio "centrar-se-á na resposta à crise sanitária imediata e nas consequentes necessidades humanitárias, no reforço dos sistemas de saúde, água e saneamento dos países parceiros e nas suas capacidades de investigação e preparação para lidar com a pandemia, bem como na atenuação do impacto socioeconómico". (...)

*com Lusa

(Leia o artigo integral na edição 569 do Expansão, de sexta-feira, dia 10 de Abril de 2020, em papel ou na versão digital disponível aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i