Pânico no mercado de petróleo

Pânico no mercado de petróleo

O WTI chegou a ser negociado a valores negativos, num contexto de excesso de oferta em que se supõe que produtores estavam dispostos a pagar aos compradores para se desfazerem dos contratos.

O mercado petrolífero está a experimentar períodos sem precedentes. O preço do barril em Nova Iorque atingiu valores negativos, algo que não tinha ocorrido em períodos anteriores. Não obstante já terem existido, em outros mercados, activos a descer abaixo de zero, tais ocorrências são muito raras.

O WTI chegou a ser negociado nos -37 USD, o que em termos práticos significaria que os vendedores estiveram dispostos a pagar aos compradores para se desfazerem dos contratos. O WTI voltou a fechar acima dos 10 USD por barril, ao passo que em Londres, o Brent ficou perto dos 19 USD por barril (queda semanal de 28,9%).

Entretanto, convém explicar que a brusca queda do WTI teve que ver, especificamente, com os preços dos contratos para entrega a muito curto prazo (Maio 2020), cujo vencimento foi a 21 de Abril, uma situação que não se verificou, por exemplo, com os contratos para entrega a partir de Junho. A queda drástica do preço tem por base a situação inédita de inexistência de locais de armazenamento para a matéria-prima, num contexto de excesso de oferta no mercado, devido ao fraco consumo mundial decorrente das medidas de prevenção à Covid-19.

Já havíamos comentado na semana anterior, que várias estimativas apontavam para um esgotamento da capacidade de armazenamento de crude nas próximas semanas. Na última quinta-feira, a OPEP publicou o seu Monthly Oil Market Report, onde cortou a projecção para a procura mundial em 2020, antecipando uma queda de 7%. O cartel está mais optimista que a Agência Internacional de Energia, que prevê uma descida de 9% este ano. (...)

(Leia o artigo integral na edição 571 do Expansão, de sexta-feira, dia 24 de Abril de 2020, em papel ou na versão digital disponível aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i