Moradores terão mais tempo para pagar as novas casas

Moradores terão mais tempo para pagar as novas casas
Foto: Adjali Paulo

O Fundo de Fomento Habitacional (FFH) vai uniformizar o período de pagamento das habitações do Programa Nacional de Urbanismo e Habitação, passando todas para uma maturidade de 30 anos, acabando assim com os diferentes tempos de amortização existentes entre centralidades e regiões do País.

Esta medida vai permitir que todas as habitações das centralidades adquiridas em regime de propriedade resolúvel sejam pagas em mais tempo, contrariamente ao que acontece actualmente, com alguns contratos a preverem o pagamento em 15 anos e outros em 20.

"O objectivo é desafogar o cidadão olhando para a actual situação económica do País, explicou fonte do Expansão Entre os objectivos do alargamento do período de pagamento das habitações estão também a redução do incumprimento do pagamento das prestação mensais e a necessidade de tornar estes projectos auto-sustentáveis.

"É preciso fazer com que os cidadãos cumpram com os pagamentos. Muitos quando adquiriram as casas estavam em situação económica diferente de hoje. Com a redução do valor da prestação mensal o cidadão terá melhores condições de pagar. E mais do que isso, é preciso quer estes projectos sejam auto-sustentáveis. Não podemos estar sempre a por a responsabilidade ao Estado", disse a mesma fonte. (...)


(Leia o artigo integral na edição 573 do Expansão, de sexta-feira, dia 8 de Maio de 2020, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i