Aumento de impostos em tempo de crise

Aumento de impostos em tempo de crise
Foto: D.R.

O ministro das Finanças da Guiné-Bissau, João Fadiá, anunciou que o Orçamento do Estado para o período entre 2020/2021 prevê o aumento dos impostos sobre tabaco e bebidas e sobre os rendimentos mais altos.

Orçado em cerca de 460 milhões de dólares tem um défice de cerca de 178 milhões de dólares. Em relação ao aumento do imposto profissional, similar ao nosso IRT, João Fadiá disse que "será agravado para as pessoas que recebem acima dos 1.500.000 francos cfa (cerca de 2.626 USD), passará para 24% As pessoas que auferem salários entre 1.500.000 francos cfa e 1.001.000 francos cfa (cerca de 1.720 USD), 22%, e os salários entre 1.000.000 e 750.000 francos cfa (cerca de1.290 USD) vão pagar 20%.

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i