O tempo, esse malandro

O tempo, esse malandro
Foto: D.R.

É verdade. O tempo passa muito rápido. Para mais quando existem temas que nos distraem muitas vezes da vida real. O novo coronavírus teve esse efeito. E está a ter. Desde Março que não se fala noutra coisa. Ou seja, este ano, para já, teve dois meses saudáveis, Janeiro e Fevereiro. E possivelmente não terá mais nenhum. O impacto que este processo está a ter na vida das pessoas e nos negócios das empresas é de tal forma grande, que a sua medição é um exercício muitas vezes hercúleo. E enquanto vamos vendo notícias e discutindo onde se deve usar máscara, por exemplo, o tempo passa. E não volta.

Quando se começa a ter alguma esperança e os números de infectados estão a baixar, logo surgem notícias avassaladoras a criar medo e a tirar essa mesma esperança. A verdade é que muitas vezes até são notícias verdadeiras, apesar de cruéis. E, agora, os números voltam a subir. E, agora, todos falam numa segunda vaga. E o tempo, esse malandro, passa e não volta.

Se, por um lado, existem áreas de actuação onde o impacto não se sente, como no funcionalismo público e nalgumas indústrias privadas, como é o caso das tecnológicas, existem outras onde os problemas parecem estar ainda no início. A hotelaria, restauração, comércio de rua (ou até mesmo centros comerciais), comércio informal, entre muitos outros, que empregam milhões de pessoas e onde tradicionalmente estas mesmas pessoas têm salários baixos, não terão outra alternativa senão despedir grande parte delas. E o grande problema é que tendo estes trabalhadores salários baixos, o custo de vida alto e poucos apoios sociais, como vão elas sobreviver?

E aqui o tempo pode ser tão cruel.

Urge aqui perceber como o mercado pode ajudar no sentido de recuperar estes profissionais e dar-lhes vida nova. Para isso, muito têm contribuído escolas de programação para desenvolvimento de software, como a bem recente 42Lisboa, entre muitas outras, com a reconversão de inúmeros profissionais de diversas áreas em profissionais aptos a entrar em profissões com futuro.

*Expert in Human Resources & Entrepreneur, Certified Coach PLD19, Harvard Business School Alumni

(Leia o artigo integral na edição 590 do Expansão, de sexta-feira, dia 4 de Setembro de 2020, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i