Banco central de Cabo Verde quer novas medidas para responder à crise

Banco central de Cabo Verde quer novas medidas para responder à crise
Foto: D.R.

O Banco de Cabo Verde quer definir com urgência "novas estratégias e políticas financeiras prioritárias" para responder aos efeitos na economia da Covid-19, refere a Lusa com base numa nota sobre a situação do sistema financeiro nacional em 2019.

Sem turismo, que representa 25% do PIB, por causa das restrições de viagem, o país ressente-se e teme uma recessão histórica, que pode ultrapassar os 8% do PIB. O banco central aponta a deterioração expressiva da balança de pagamentos até Junho, a "fraca dinâmica da economia" na sequência da "deterioração da procura interna e externa", e "a queda das receitas do governo, que determinou o agravamento do défice orçamental e, consequente, aumento do stock da dívida pública".

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i