Nigéria vence resistência inicial e ratifica adesão ao mercado único

Nigéria vence resistência inicial e ratifica adesão ao mercado único
Foto: D.R.

A Nigéria ratificou a sua adesão à zona de comércio livre africana (AfCFTA), vencendo a sua relutância inicial em aderir. Dos 55 países africanos, 30 assinaram e ratificaram o acordo de criação da AfCFTA, que entra em vigor em Janeiro de 2021.

A Nigéria formalizou a sua adesão, em Julho de 2019, mais de um ano depois de 44 países assinarem o acordo de criação da zona de comércio livre africana. Apenas a Eritreia se mantém de fora do mercado único de bens e serviços de 1,3 mil milhões de pessoas, que entrará em vigor por etapas. A primeira engloba um protocolo de comércio de bens e serviços e de regras para a resolução de litígios. O segundo cobrirá concorrência, investimento e direitos de propriedade intelectual.

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i