Fundo imobiliário do BE quer arrecadar 25 mil milhões Kz

Fundo imobiliário  do BE quer arrecadar 25 mil milhões Kz
Foto: Arquivo Expansão

O Económico Fundo de Investimento, sociedade gestora de fundos detida maioritariamente pelo Banco Económico lançou esta semana 250.000 unidades de participação cuja unidade está a ser vendida a 100 mil Kz.

Com esta iniciativa, o fundo de investimento imobiliário, Económico Atlântico Fund, tem como proposta captar capital junto de investidores na ordem dos 25 mil milhões Kz. Os investidores que subscreverem pelo menos uma unidade de participação entram no fundo que gere imóveis que estão na carteira de investimentos do fundo, revela uma fonte do sector que pede para não ser identificada.

De acordo com o site do fundo, estão sobre a sua gestão os seguintes empreendimentos: Loanda Tower, Torres oceano, a Torre Escom, Rosa Linda, Edifício Victória e Aqquavile. Parte destes empreendimentos estão arrendados e a parte que o investidor terá direito é a uma fracção do rendimento que estes imóveis podem gerar tanto em vendas quanto em arrendamento.

O fundo compromete-se a pagar rendimentos aos investidores, com um rendimento a ser acordado entre as partes na fase de compra do referido activo que de acordo com o Económico está a ser comercializado apenas no balcão do banco que detém a maioria do seu capital.

(Leia o artigo integral na edição 601 do Expansão, de sexta-feira, dia 20 de Novembro de 2020, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i