EGTI comercializa 110 lotes de terrenos infra-estruturados

EGTI comercializa 110 lotes de terrenos infra-estruturados
Foto: D.R.

A Empresa Gestora de Terrenos Infraestruturados (EGTI) tem disponíveis 110 lotes de terrenos para comercialização nas centralidades da província de Benguela. Os lotes que serão vendidos estão distribuídos pela centralidade do Luongo (Catumbela) com 70 lotes, Baía Farta com 20 e igual número na centralidade do Lobito.

O administrador para a área técnica da EGTI, Kilson Gouveia, disse ao Expansão que a campanha para a aquisição dos terrenos arranca no dia 7 do mês em curso, sendo que os interessados poderão apresentar as suas candidaturas através do sítio www.egti.gov.ao.

O responsável explicou que o preço do lote de terra varia de acordo com a localização e o espaço. O administrador técnico acrescentou que a modalidade de pagamento compreende a entrada inicial de 20% do valor total no acto da assinatura do contrato, sendo que o remanescente poderá ser parcelado de acordo com o valor do negócio.

"Estão habilitados à aquisição dos lotes de terrenos infra-estruturados os cidadãos maiores de 18, entre nacionais e estrangeiros residentes, bem como as empresas, sendo que cada candidato poderá adquirir apenas um lote por centralidade".

O dirigente da EGTI disse que estes lotes visam tornar acessíveis os diferentes serviços sociais nas referidas centralidades. Kilson Gouveia destacou ainda que a instituição não procura apenas comercializar os lotes, mas, mais do que isso, é velar pela evolução das cidades, através dos diferentes serviços que serão colocados à disposição dos moradores, como por exemplo, ensino, saúde e estabelecimentos comerciais, a fim de garantir melhor comodidade.

(Leia o artigo integral na edição 603 do Expansão, de sexta-feira, dia 4 de Novembro de 2020, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i