Kwanza já desvalorizou 25,8% face ao dólar e 31,2% face ao euro

Kwanza já desvalorizou 25,8%  face ao dólar e 31,2% face ao euro
Foto: D.R.

A moeda nacional, o kwanza, fechou esta quarta-feira, dia 2 de Dezembro, a cair 25,8% face ao dólar desde o início deste ano, pressionada pelo abrandamento da economia nacional e mundial que fez diminuir a procura de petróleo e, por sua vez, a entrada no país de receitas em moeda estrangeira.

Quando em Janeiro os agentes económicos só precisavam de 482,3 Kz para comprar um dólar, esta quarta-feira já eram necessários mais 168,1 Kz para a mesma moeda e valor.

O mesmo aconteceu face ao euro, que desvalorizou 31,2% em igual período. Assim, comprar um euro esta quarta-feira custava 784,1 Kz, quando há 11 meses os operadores económicos só precisavam de 539,8 Kz.

A justificar a queda da moeda nacional face às principais moedas estrangeiras está o facto de o país ter deixado de captar receitas suficientes em moeda estrangeira, provenientes da venda de barris petróleos.

Face a isto, o mercado tem-se debatido com a crise de moeda estrangeira. Ou seja, com a pouca oferta de dólares ou euros no mercado, a pressão sobre esses recursos aumentou, fazendo cumprir a teoria económica de que quanto menor a oferta, maior os preços e vice-versa.

A liberalização do mercado cambial, em que são as transacções entre os bancos comerciais e os demais intervenientes do mercado a determinar a taxa de câmbio, afundou o valor do kwanza face às principais moedas estrangeiras.

(Leia o artigo integral na edição 603 do Expansão, de sexta-feira, dia 4 de Novembro de 2020, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i