BFA reforça parque de multicaixas pelo País com mais 65 máquinas

BFA reforça parque de multicaixas pelo País com mais 65 máquinas
Foto: D.R.

O Banco de Fomento Angola (BFA) vai reforçar, no primeiro trimestre deste ano, o seu parque de ATMs com 65 máquinas novas e efectuar a substituição de mais de 90 equipamentos antigos por novos, de acordo com uma nota da instituição no seu portal de internet.

Esta medida surge numa altura em que a escassez destas máquinas perturbou o levantamento de dinheiro na capital do país durante a época festiva. "Num ano especialmente difícil, este investimento do BFA é uma clara demonstração do empenho do banco em prestar um serviço de qualidade, tanto aos seus clientes como ao sistema de pagamentos angolano em geral", refere a entidade.

O investimento não vem só reforçar o parque de ATMs do banco privado que foi a instituição bancária que registou mais lucros em 2019, mas também de todo o sistema financeiro nacional, já que permitirá reduzir as pressões que nas últimas semanas se têm assistido à entrada de vários bancos e nos respectivos multicaixas.

Por altura do Natal e do Ano Novo várias foram as queixas dos agentes económicos sobre a escassez de caixas automáticas com disponibilidade de notas, o que motivou enchentes na grande maioria dos ATMs que dispunham de notas.

Em recentes declarações ao Expansão, o administrador da Empresa Interbancária de Serviços (EMIS), Joaquim Caniço, associou os problemas assistidos na véspera de Natal e de Ano Novo com a localização geográfica dos ATMs, o número diminuto e a falta manutenção nalguns casos.

(Leia o artigo integral na edição 606 do Expansão, de sexta-feira, dia 8 de Janeiro de 2021, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i