Director Carlos Rosado de Carvalho

Falta de navios deixa Porto de Luanda a 'meio-gás'

Falta de navios deixa Porto de Luanda a 'meio-gás'

O Porto de Luanda apresenta resultado do exercício de 2016 com saldo negativo. Empresa pretende reduzir o número de funcionários para 250.

O Porto de Luanda tem capacidade para receber cargas de todo o tipo, mas está à espera da chegada de navios. A diminuição no tráfego permitiu, por outro lado, a redução do tempo de espera dos navios para atracar, segundo o Presidente do Conselho de Administração (PCA) do Porto de Luanda, Alberto António Bengue, durante apresentação do balanço da década das empresas públicas de transportes, iniciativa realizada pelo Ministério dos Transportes.
Em 2014, o Porto de Luanda recebeu mais de sete mil navios operantes. Porém, como consequência da crise, o número reduziu para quatro mil, em 2015, e, no primeiro semestre deste ano, já operam dois mil navios.

(Leia o artigo na integra na edição 431 do Expansão, de sexta-feira 21 de Julho de 2017, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i