Director Carlos Rosado de Carvalho

Taxa de ocupação das unidades hoteleiras do País continua em queda

Taxa de ocupação das unidades hoteleiras do País continua em queda

A queda da taxa de ocupação das unidades hoteleiras é a grande preocupação dos operadores turísticos angolanos.

Os níveis de ocupação dos hotéis em Angola continuam a cair e a Associação dos Hotéis e Resorts de Angola (AHRA) garante que é fundamental reduzir os custos para diminuir o número de falências de unidades hoteleiras.
Nos últimos dois anos a taxa de ocupação rondou os 20%, num universo de 6.088 unidades turísticas cadastradas pelo Ministério da Hotelaria e Turismo (Minhotur).
Em declarações ao Expansão por ocasião do Dia Mundial do Turismo, o director do Gabinete de Estudos e Planeamento do Ministério da Hotelaria e Turismo, Januário Marra, disse que o quadro macroeconómico não é favorável à actividade do sector hoteleiro em Angola, apesar das potencialidades do mercado.
O especialista reconhece a existência de empresas em situação difícil. A causa prende-se com o quadro macroeconómico actual que tem proporcionado quebras nas taxas de ocupação, que se mantêm nos 20%, situação que faz recuar o investimento no sector.

(Leia o artigo na integra na edição 441 o Expansão, de sexta-feira 29 de Setembro de 2017, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i