Dívida dos clientes à ENDE cresce 126% desde Março

Dívida dos clientes à ENDE cresce 126% desde Março
Foto: Arquivo Expansão

A dívida dos clientes da Empresa de Nacional de Distribuição de Electricidade (ENDE), na província do Moxico, disparou 126%, passou de 390 milhões, para 880 milhões kz ,desde que se estabeleceu o primeiro Estado de Emergência face à pandemia da Covid-19.

De acordo com o director provincial da ENDE, Manuel Nascimento, os principais clientes incumpridores são as instituições públicas e os consumidores da rede de baixa tensão. O gestor acrescentou que a instituição que dirige está a permitir que os clientes façam o pagamento dos passivos em prestações para aliviar o peso da dívida. "Aos devedores que resistem em não pagar vamos realizar cortes da corrente eléctrica, sendo que criamos uma comissão disciplinar para o efeito". Recorde-se que a ENDE controla mais de 18 mil clientes, distribuídos nos municípios do Camanongue, Luau e Luena, dos quais cerca de quatro mil no sistema pré-pago.

(Leia o artigo integral na edição 607 do Expansão, de sexta-feira, dia 15 de Janeiro de 2021, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i