Carnaval em live sem assistência e sem históricos

Carnaval em live sem  assistência  e sem históricos
Foto: Adjali Paulo

A edição do Carnaval de Luanda acontece de 14 a 16 de Fevereiro, em formato condicionado pela pandemia, mantém o carácter competitivo mas suspende a assistência, com transmissão televisiva e nas redes sociais.

O entrudo vai abrir "excepções" para alguns grupos que vão desfilar apenas, sem competir.

O Carnaval live terá como palco o Centro de Produção da TPA, no Camama.

Para cumprir directrizes de saúde pública, os 26 grupos carnavalescos, 11 da classe A e 16 da classe B, vão apresentar as coreografias em número e tempo reduzidos. O histórico União Mundo da Ilha, vencedor 2020, e a União Recreativo Kilamba, vencedor dos títulos de 2018 e 2019 não participam desta edição. O primeiro não integra o Carnaval live, porque 70% dos seus integrantes fazem parte do grupo de risco da Covid-19. O grupo União Mundo da Ilha é o mais titulado do Carnaval de Luanda, com 12 conquistas.

O União Recreativo do Kilamba não se conhecem as razões da ausência do entrudo de 2021. Pelo sorteio, o União Njinga a Mbande será o primeiro a entrar em cena, secundado pelo União 54 do distrito Urbano da Maianga.

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i