Kwanza "ganha terreno" face ao dólar e euro nos mercados oficial e no das kinguilas

Kwanza "ganha terreno" face  ao dólar e euro nos mercados oficial e no das  kinguilas
Foto: Arquivo Expansão

A moeda nacional fechou esta quarta-feira a valorizar 0,7% face ao dólar e ou% face ao euro, no espaço de uma semana, uma tendência que se estendeu até ao mercado paralelo de divisas que tem registado quedas ligeiras no valor das principais moedas estrangeiras.

De acordo com analistas, a ajudar está o aumento de oferta de divisas que o mercado cambial tem assistido nos últimos dias de várias fontes do mercado, além do facto de, nos últimos meses, se ter registado quedas na importação de bens alimentares, o que, na visão dos operadores e analistas financeiros dos bancos comerciais, têm ajudado na retenção de moeda no País.

Se há uma semana um dólar valia no mercado de câmbio 648,37 Kz, esta quarta-feira a mesma fechou com uma cotação de 647,91 Kz, ou seja, uma apreciação da moeda nacional perto dos 1%. O mesmo deu-se com a moeda da União Europeia, o Euro, que fechou a valer 781,61 Kz, quando na semana passada a sua cotação de mercado estava nos 786,35 Kz.

Nas ruas de Luanda, a nota de 100 USD estava a ser comercializada no fim da tarde desta quarta-feira a 72 mil Kwanzas, sinalizando uma recuperação do kwanza na ordem dos 5,5%, face aos preços de igual período da semana passada. Face ao euro, o kwanza assistiu também a uma ligeira recuperação de 2,3%, com a nota de 100 euros a fechar esta quarta-feira, nas quinguilas, a valer 86.500 Kz.

(Leia o artigo integral na edição 612 do Expansão, de sexta-feira, dia 19 de Fevereiro de 2021, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i