Exportações de castanha caju da Guiné-Bissau caem 20,9% em 2020

Exportações de castanha caju da Guiné-Bissau caem 20,9% em 2020
Foto: D.R.

A exportação de castanha de caju do país caiu 20,9%, em 2020, para 154 mil toneladas, em relação à quantidade exportada em 2019, e teve como principal destino a Índia.

A campanha de exportação foi realizada por "40 empresas exportadoras residentes no país", refere o relatório da Agência Nacional de Caju, apontando uma redução de 40.799 toneladas e uma perda de 34 milhões de euros. As exportações de castanha de caju foram, segundo o relatório, directamente afectadas pela pandemia da Covid- -19, sobretudo devido às medidas restritivas a nível nacional e internacional. A castanha de caju é o principal produto de exportação da economia nacional, dela dependendo, directa ou indirectamente, 80% da população.

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i