Administração do BPC diz que piratas informáticos atacaram servidores do banco

Administração do BPC diz que piratas informáticos atacaram servidores do banco
Foto: D.R.

O Banco de Poupança e Crédito (BPC), que está em processo de reestruturação, e que registou o maior prejuízo de sempre da banca nacional, foi alvo, esta terça-feira, de um ataque cibernético que "afectou alguns servidores" na sua plataforma tecnológica, segundo informação do conselho de administração.

O banco não especificou, no entanto, quando é que o ataque ocorreu nem qual a dimensão do mesmo.

O ataque de "origem e causas desconhecidas" ao maior banco de capitais públicos em Angola fez despoletar, de imediato, "os protocolos de segurança previstos para proteger a integridade dos activos financeiros dos seus clientes", informou a administração, que já "deu início a uma rigorosa investigação sobre a ocorrência", acrescenta.

Como consequência, alguns servidores encontram-se temporariamente limitados, bem como alguns dos serviços prestados nas agências da sua rede comercial.

O BPC aconselha, como alternativa, o recurso à rede multicaixa, prometendo "restabelecer a normalidade no mais curto espaço de tempo possível".

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i