Saltar para conteúdo da página

EXPANSÃO - Página Inicial

Empresas & Mercados

Banco russo VTB pede aos clientes para se absterem das transferências

INSTITUIÇÃO FAZ PARTE DO GRUPO INTERNACIONAL

O banco VTB África é afectado pelas sanções internacionais que o grupo bancário russo VTB está a sofrer desde a invasão russa à Ucrânia

A direcção do banco VTB África recomenda aos seus clientes no sentido de se absterem de realizar operações para o recebimento de receitas de exportação, operações cambiais, pagamentos internacionais de importação de bens e serviços, bem como o pagamento de salários aos funcionários expatriados, tendo em conta que o banco faz parte do grupo bancário internacional russo VTB e, a instituição de direito angolano foi igualmente afectada pelas sanções do Ocidente à Rússia, de acordo com o comunicado da instituição.

Segundo o Presidente do Conselho de Administração (PCA) do VTB África, Igor Skvortsov, este novo pacote de sanções apenas permite ao banco participar em operações que normalmente ocorrem e são necessárias para o encerramento de operações, contratos ou outros que estavam em vigor até à data de imposição das mesmas. Em Angola, o banco tem cerca de 4.000 clientes, dos quais 450 empresas, incluindo várias do sector mineiro, que foram recomendados a se abstenham de realizar operações e pagamentos em dólares e euros através desta instituição bancária em Angola.

"O banco VTB África está na busca de uma solução duradoura para a presente situação, que nos possibilita o retorno à normalidade", refere o PCA. O responsável ressalta que a instituição bancária continua a prestar os principais serviços financeiros bancários, mantendo o elevado nível de liquidez e de capital. "As restrições adoptadas não afectam a segurança e a disponibilidade dos recursos dos clientes em moeda nacional. O banco está a envidar os seus melhores esforços para garantir a segurança e a salvaguarda dos interesses dos seus clientes, de forma a protegê-los de eventuais perdas" garantiu.

Conforme o relatório de gestão do exercício de 2020 do banco, cerca de 60% do crédito concedido, num total de 10,6 mil milhões Kz foi direccionado para o sector mineiro (6,3 mil milhões Kz). E o banco tinha uma carteira de 3.974 clientes, dos quais 450 empresas e 3.524 entidades particulares. O VTB África é um banco comercial com três áreas de actuação específicas, nomeadamente, banca de investimento, "corporate" e retalho, tendo a área de retalho por objectivo servir somente os colaboradores das empresas, que são seus clientes