Saltar para conteúdo da página

EXPANSÃO - Página Inicial

Universidade

Faculdade de Economia da UAN abre sete cursos de pós-graduação

CINCO CURSO DE MESTRADO E DOIS DE DOUTORAMENTO

Os candidatos elegíveis aos cursos de mestrado e doutoramento devem ser licenciados ou mestre em Economia, Gestão, Finanças. Cada curso de mestrado tem disponíveis 30 vagas e de doutoramento 20. Fruto de pareceria com ISEG, cursos contarão com docentes portugueses, angolanos e brasileiros.

A Faculdade de Economia da Universidade Agostinho Neto (FECUAN) abriu cinco cursos de mestrado, nas áreas de Economia, Gestão, Mercado de Capitais, Gestão e Empreendedorismo e Inovação, Economia Monetária e Financeira e os cursos de doutoramento em Economia e em Gestão.

O curso de mestrado de Economia e Gestão é repartido em duas especialidades: Políticas Económicas e Desenvolvimento e Economia de Empresa e Meio Ambiente, Administração e Finanças e Gestão Hospitalar, respectivamente.

Os candidatos interessados devem apresentar um formulário da FECUAN preenchido e assinado pelo candidato com a cópia do BI ou passaporte, fotografia do cartão de contribuinte, fotocópia do certificado de habilitação, com disciplinas e notas descriminadas, diploma ou certificado de licenciatura, curriculum vitae, recibo do pagamento do emolumento de candidatura no valor de 5.000 Kz, duas fotografias tipo passe. Os cursos de mestrado custam mais de 2 milhões Kz e o curso de doutoramento mais de 3 milhões, que podem ser pagos em duas prestações. O valor deverá ser depositado na Conta Única do Tesouro (CUT).

Os candidatos devem inscrever-se na secretaria de pós-graduação da Faculdade de Economia da Universidade Agostinho Neto até ao dia 21 de Janeiro, porque as aulas vão arrancar entre Março e Abril de 2023. São elegíveis ao curso de mestrado os licenciados em Economia, Gestão, Finanças e outras áreas científicas.

Para o curso de doutoramento são elegíveis mestres em Economia, Gestão, Finanças, e outras áreas científicas afins. O curso de mestrado terá a duração de dois anos: o 1.º ano é dedicado à parte curricular e o 2.º ano é reservado à apresentação da dissertação. O curso de doutoramento tem a duração de quatro anos: o 1.º ano será para parte curricular e os três anos restantes servirão para a preparação da tese.

A faculdade tem parcerias com o Instituto Superior de Economia e Gestão da Universidade de Lisboa (ISEG) e o Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE- -IUL), que apoiam com a presença de docentes, que vão ministrar vários módulos de forma presencial e online durante a formação. Cada curso de mestrado tem disponíveis 30 vagas e os de doutoramento têm 20 vagas. As aulas serão leccionadas no período pós-laboral, de forma presencial e semi- -presencial, nalguns módulos.

De acordo com o chefe da secretaria de pós-graduação, Celestino Manuel, o processo de inscrição ainda decorre e cada pessoa que esteja em condições enquadradas nos requisitos pode fazê-lo, porque ainda que o número estipulado para cada curso seja ultrapassado, depois terá de se fazer a verificação das médias exigidas, que é igual ou superior a 14 valores ou 16 para o curso de doutoramento. "Os cursos vão ser ministrados por docentes angolanos, cubanos, portugueses e brasileiros. A percentagem dos professores nacionais é maior", explica o chefe da secretaria de pós-graduação, Celestino Manuel.

O curso de Gestão já vai na sua 10ª edição, Economia 7ª, Mercado de Capitais o curso de doutoramento em Economia 2ª edição e o doutoramento em Gestão vai na 4ª edição. O curso de Gestão na especialidade de Políticas Económicas e Desenvolvimento é para o mestrado e o doutoramento em Gestão são os mais concorridos.

Criada em 1970, a FECUAN é a faculdade mais antiga e a quarta maior unidade orgânica da Universidade Agostinho Neto. A faculdade ministra cursos de Economia, Gestão de Empresas, Gestão Financeira, Contabilidade e Investigação, Contabilidade e Auditoria.