Saltar para conteúdo da página

EXPANSÃO - Página Inicial

Universidade

INAGBE abre candidaturas para 11.500 bolsas de estudo internas

GOVERNO REFORÇA FINANCIAMENTO PARA AUMENTAR O NÚMERO DE BOLSAS

As inscrições vão até ao dia 30 de Dezembro. O aumenta da bolsa de 8.500 para 11.500 e a inclusão dos docentes e investigadores científicos do sistema de educação e ensino e no sistema nacional de ciência, tecnologia e inovação constituem as grandes novidades do programa de bolsas.

O Instituto Nacional de Gestão de Bolsas de Estudo (INAGBE) abriu as candidaturas para as Bolsas de Estudo Internas (BEI) para o ano académico 2022/2023, destinadas a jovens que pretendem frequentar cursos de graduação e pós-graduação. Os candidatos a cursos de graduação devem ter idade não superior a 25 anos e não superior a 35 anos para candidatos com deficiência e devem estar matriculados e a frequentar o 1.º ou 2.º anos de um curso de graduação numa instituição de ensino superior. Não podem ser repetentes no ano a que se candidatam e não podem ser detentores do grau académico ao qual concorrem para a bolsa de estudos.

Quanto aos requisitos para os candidatos de pós-graduação, devem possuir a nacionalidade angolana, residência permanente no País, estar inscritos num programa de mestrado ou de doutoramento numa instituição de ensino superior, ter média igual ou superior a 14 valores na licenciatura para os candidatos aos programas de mestrado, de igual modo ter média igual ou superior a 14 valores no mestrado para os candidatos aos programas de doutoramento, ter média de 16 valores na licenciatura, para candidatos que pretendem entrar directamente para o programa de doutoramento, sem passarem pelo programa de mestrado, ter idade não superior a 35 anos para os cursos de mestrado e não superior a 45 anos para os cursos de doutoramento.

Os docentes e investigadores do sistema de educação e ensino e no sistema nacional de ciência, tecnologia e inovação, que estejam em regime de tempo integral e de exclusividade, também podem candidatar-se às BEI, desde que tenham obtido avaliação positiva de desempenho nos últimos três anos e que a sua candidatura tenha sido validada pelo conselho científico da respectiva instituição, estando dispensados dos requisitos citados anteriormente. As inscrições decorrem até ao dia 30 de Dezembro, e devem ser feitas no site do IGNABE: www.inagbe.gov.ao.

Número da bolsas aumenta de 8.500 para 11.500

O número de bolsas para o presente ano académico aumentou de 8.500 para 11.500, em cumprimento do discurso do Presidente da República sobre o estado da Nação, como refere o director-geral do INAGBE, Milton Chivela. "Houve o aumento de três mil bolsas no curso de graduação. Conseguiu-se o financiamento e concretizou-se o que o Governo perspectivava", explica, acrescentando que o valor dos subsídios, por enquanto, mantém-se inalterado.